Criando soluções que vão de encontro às suas necessidades!
No mercado desde 1987


Transforme seus sonhos em realidade

Temos uma equipe preparada para te orientar nas suas tomadas de decisões, acelerando seu crescimento

A contabilidade da sua empresa de um jeito prático

Desde 1987 com bons serviços para nossos clientes

DINHEIRO - Número de poupadores aumentou de 44% para 57% na pandemia

Publicado em 21 de julho de 2021

O número de pessoas que juntaram dinheiro para formar uma reserva de emergência saltou de 44% em abril de 2020, no início da pandemia, para 57% em junho de 2021, segundo pesquisa recente da Neon - que diz ter reunido informações "das principais contas digitais do país".

A pesquisa demonstra uma mudança no perfil de quem estabeleceu uma reserva de emergência. Em 2020, 76% das pessoas que guardaram dinheiro tinham renda familiar de até R$ 4.180 e 24% dispunham de renda superior. No último levantamento, os números passaram a ser 63% e 37% respectivamente.

No mesmo sentido, em 2020 26% das pessoas que declararam possuir uma renda complementar tinham renda entre R$ 2,1 mil e 4,2 mil. Em 2021, esse número passou a ser de 33%.

Da mesma forma a pesquisa aponta que a necessidade de complementar renda foi maior entre quem possui algum tipo de CNPJ, com o número crescendo de 53% para 57%. Os trabalhadores formais, por sua vez, saíram de 43% para 57%.

O que é reserva de emergência?

A reserva de emergência é um capital alocado que deve ser destinado à cobertura de gastos não esperados, ou como um colchão financeiro para situações de perda de renda, como demissões ou falência.

A recomendação mais usual é de que a reserva some um montante de seis meses dos gastos mensais do investidor, ou doze meses, caso seja empreendedor, pessoa jurídica ou Micro Empreendedor Individual (MEI).

O montante geralmente é, por recomendação, alocado em investimentos de baixo risco e alta liquidez – possibilitando saques rápidos ou imediatos, ainda que tenham rentabilidade menor do que a média das demais aplicações.

A aplicação da reserva de emergência também serve como uma maneira de manter parte da carteira ou do patrimônio em renda fixa e manter o investidor mais tranquilo comparado aos investimentos de renda variável ou de maior risco.

 

Fonte: Administradores